Informações

 

O que são ondas de choque?

 

 

Tratamento por Ondas de ChoqueSão ondas mecânicas / acústicas de grande pressão e energia, geradas por expansão brusca no meio gasoso ou líquido

Um exemplo conhecido na natureza são os trovões, gerados pela súbita expansão dos gases da atmosfera provocada pelos relâmpagos.

O Homem produz ondas de choque através de veículos, projéteis, explosões e equipamentos especiais. Exemplos são o estrondo supersônico gerado no ar por aviões, e as ondas de impacto geradas no ar e na água por explosivos.

Durante a Segunda Guerra Mundial, as lesões pulmonares provocadas em náufragos por bombas detonadas no mar levaram às primeiras descrições dos efeitos das ondas de choque de grande energia no corpo humano, capazes de viajar pela água e penetrar nos tecidos profundos.

A primeira patente de aparelho para gerar ondas de choque e aplicá-las ao organismo humano com objetivos medicinais foi registrada por Frank Rieber nos Estados Unidos em 1951, mas muita pesquisa se desenvolveu nas próximas décadas antes que isto se tornasse realidade.

 

Quando foram introduzidas na Medicina?

As ondas de choque foram utilizadas em Medicina pela primeira vez em 1980, na litotripsia, o tratamento não-invasivo para fragmentar cálculos renais, desenvolvido por urologistas alemães em conjunto com empresa aeronáutica Dornier.

Esta empresa dominava a tecnologia de geração de ondas de choque subaquáticas para estudar efeitos da cavitação gasosa provocados por estas ondas sobre hélices e propulsores de metal.

O primeiro sistema médico gerava pequenas explosões dentro da água através de fagulhas disparadas entre eletrodos de alta voltagem, e a onda de choque mecânica produzida por estas explosões era focalizada para fragmentar os cálculos renais.

No início, o paciente precisava estar imerso na água. Os sistemas desenvolvidos posteriormente restringiram a água ao sistema gerador das ondas, contida numa membrana de silicone.

Durante estes tratamentos iniciais foram observadas acidentalmente ações sobre outros tecidos do organismo, com crescimento e espessamento do osso da bacia, redução de dor e inflamação presentes no esqueleto, e aceleração de cicatrização de ferimentos na pele.

A partir destas observações surgiram as aplicações para retardo de consolidação de fraturas (Valchanov e Michailov em 1991), dores e inflamações músculo-esqueléticas (Dahmen em 1992), e cicatrização da pele (Schaden em 2007).

Mais recentemente, baseados em estudos científicos e outras observações clínicas, protocolos experimentais tem sido estudados para o músculo cardíaco (Erbel em 1999), o sistema nervoso periférico e central (Lohse-Busch em 2014), o aparelho urogenital (Butz em 2007 para doença de Peyronie) e outros órgãos.

 

Quando começou seu uso no Brasil?

O primeiro sistema de Ondas de Choque Focais foi introduzido no Brasil em 2000 e nos anos seguintes foi também introduzido o sistema de Ondas de Choque Radiais, ambos por renomados e pioneiros médicos ortopedistas presidentes da Sociedade Brasileira de Tratamento por Ondas de Choque (SBTOC).

Participando da introdução do sistema de Ondas de Choque Radiais, pioneiros médicos Fisiatras associaram ao tratamento por ondas de choque a expertise do tratamento da dor miofascial (pontos-gatilho musculares) na prática privada e na Universidade, ensinando e influenciando toda a comunidade médica das ondas de choque. Após vários anos, nossa equipe aprendeu com estes experientes professores esta técnica.

Buscando o método de excelência para o tratamento de dores musculoesqueléticas, nosso grupo iniciou em 2009 a experiência com o sistema duplo de ondas de choque (focal de baixa energia e radial no mesmo equipamento) em equipe de Fisiatria de dois conceituados hospitais privados em São Paulo.

Em 2014 introduzimos este sistema duplo de tratamento por ondas de choque focais e radiais em tradicional clínica privada, a Axis Clínica de Coluna,  e em 2016 na Axis Shockwave Clínica Médica. 

Nosso grupo de médicos fisiatras é responsável desde 2014 por um ambulatório universitário de pesquisa em tratamento por ondas de choque localizado em renomada rede hospitalar estadual de reabilitação, onde estão sendo desenvolvidas pesquisas na área musculoesquelética e neurológica.

 

Maiores informações:    

http://www.sbtoc.org.br

http://www.shockwavetherapy.org

 

 

Diretor Técnico Dr. Gilson Tanaka Shinzato CRM 64.150

© 2017 - Axis Shock Wave Clínica Médica - Tratamento por Ondas de Choque - Itaim Bibi - São Paulo - Fones (11)3230-1146 e 3071-3889